Regularidade duvidosa

Muitos, que antes estavam ao meu lado na torcida avaiana, têm me criticado em relação às minhas incomodações quanto ao deste Avaí de 2017. Problema deles. Como eu não sou comentarista de resultado, cabe a mim analisar o contexto e não os detalhes. Portanto, diante de minhas vivências com o futebol ao longo dos anos, eu afirmo: Este Avaí é um fracasso!

– Ah, você não pode falar isto, ainda há muito campeonato a ocorrer!

Claro que sim, e campeonato é jogado e lambari é pescado. Eu não falo, por isso, deste Avaí ou deste resultado. Eu falo do conjunto da obra.

Quando a diretoria avaiana declara, abertamente, que luta contra o rebaixamento, ela está afirmando sem rodeios que o time é fraco e que os jogadores estão entre nabas e pernas de pau, jogadores que eles mesmos contrataram. Você jogaria num time onde a sua diretoria lhe avaliasse como naba ou pereba?

Eu pondero é em relação o próximo jogo, o próximo desafio. A cada rodada vive-se o medo por sofrer uma goleada ou a apreensão de que ponto se pode obter, onde não há atitude para se impor.

 Se estamos competindo num campeonato muito equilibrado e com qualidade técnica duvidosa, algo atestado por muitos, entrar na competição deste naipe com síndrome de pequeno e fracassado é burrice. Eu esperaria um FODA-SE por parte do time avaiano e ir com tudo para cima destes times que estão por aí. Nem mesmo o Corinthians é assim um bicho papão para se jogar com calma e paciência.

Assim, desta forma, falta coragem para este grupo, situação alentada por uma diretoria covarde e por uma comissão técnica acomodada.

A desculpinha esfarrapada de não fazer aventuras não engana, haja vista as tolices aprontadas por esta diretoria. Deem valor à história deste clube, pelo menos.

O Avaí será rebaixado com todas as pombas e circunstâncias se não mudar de atitude e a comissão técnica não parar de inventar a cada jogo. Para que este quadro mude, a primeira decisão é mandar seus treinadores embora, ou então se exija que mantenham o jogo de tática vitoriosa e a disposição de força e energia em todos os jogos. O jogo do Avaí é este da partida contra o Vitória e não aquele do jogo contra o Atlético Paranaense ou contra o Palmeiras.

Quem vê futebol com olhos sinceros e não como bobão de arquibancada sabe do que eu falo. E que alguém me aponte onde estou mentindo.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s