O selfie do TJD-SC

Obviamente que o TJD-SC está fazendo pose. Alguém pediu para que os auditores daquele ínclito tribunal fizessem algo diferente, que criassem algo inusitado, que proporcionassem um acontecimento extraordinário local para pensarmos em sair da mesmice. E eles atenderam com criatividade.

Só assim para se entender o que foi decidido em sua sessão de julgamento dos atletas Marquinhos, do Figueirense, e Juliano, do Joinville. Foi uma peça humorística pra sair na foto do jornal. Só pode!

Ao decidirem de maneira diferenciada a mesma situação envolvendo os dois atletas, com benefícios claros ao atleta do Figueirense, os honoráveis auditores do TJD-SC contaram uma piada. Fizeram a foto pra turma com o sinal de V e um chifrinho no chefe. Deram joinha.

Se o leitor não sabe, ambos, Juliano e Marquinhos, se envolveram numa briga. Um deu um tapa e o outro revidou. Foram expulsos e o julgamento foi feito. Não houve inocentes e nem se pode contemporizar. Ocorre que o TJD-SC decidiu que o tapa dado por um jogador era mais dolorido do que o do outro. O jogador alvinegro tomou um jogo de suspensão, enquanto que o tricolor do Norte do Estado vai pagar quatro jogos.

Foi uma decisão, se fosse num tribunal com isonomia, estranha, sem critério e indignante. Até contra o bom senso.

Por isso, como torcedor, consumidor de futebol e cidadão atento aos meus direitos, peço afastamento sumário destes auditores do TJD-SC. Vão brincar assim lá no Zorra Total.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s