Vivendo um grande amor

Com a frase da música do Poetinha Vinicius de Moraes, que hoje completaria cem anos de vida, o Avaí mostrou à sua torcida porque está em seus corações. Luta por uma conquista e não mede esforços.

Se a campanha que ele se propôs a fazer foi com doses de dificuldades, requintes de crueldade, sofrendo pressão, mas acima de tudo defendendo com raça, garra e orgulho a sua história de noventa anos, por toda a nossa vida vamos, nós, avaianos, cada vez mais estarmos ao lado deste time.

O time avaiano está visivelmente extenuado. O time vive a eterna desventura de jogar cada rodada uma decisão. É notório o cansaço e pouco gás que este time apresenta nesta fase final do campeonato. Ele já não entra mais em campo para dar espetáculo ou jogar grandes partidas, mas para defender territórios. Para impor respeito e determinação aos adversários. Em alguns momentos ele não consegue suportar a pressão, como nos jogos contra o Palmeiras e a Chapecoense. Mas em outros jogos, mesmo abdicando de um bom futebol, supera suas dificuldades.

Sem brilhantismo, mas determinado. O time do Avaí, hoje, faz por merecer uma classificação à série A. Ele valoriza cada espaço do campo, cada cobrança de lateral, cada falta, cada passe, cada chute.

Com muita concentração e muito siso
Muita seriedade e pouco riso

E se em determinados momentos o lance esperado não sai, não se pode culpar uma carência ou deficiência, este mantra tão decantado no entorno da Ressacada.

Reverencia-se Cléber Santana, Eduardo Costa e Marquinhos, pela suas indiscutíveis qualidades, mas se esquece o papel desenvolvido pelos atacantes, que se não aproveitam as chances de gols, ao menos cumprem um papel tático de marcação e de ocupação de espaços.

É como se este time pintasse um barco a vela branco navegando,
Numa imensidão de céu e mar num beijo azul.

As jogadas pela lateral esquerda, com o mitológico Héracles, já são as melhores dos times da série B. É só pegarmos as estatísticas e comparamos o aproveitamento desse rapaz naquela posição.

Mas não se pode deixar de exaltar, aos quatro cantos, a entrega que Ricardinho tem feito na lateral direita. Sofrendo críticas até covardes, o menino pode ser considerado uma revelação na posição. Atua como terceiro homem na zaga, cobre os espaços de Eduardo Costa no meio e ainda oferece opção para os meias de criação. Hoje, na minha opinião, é um jogador imprescindível, um operário para este esquema de Hémerson Maria.

Ah, homens de pensamento
Não sabereis nunca o quanto
Aquele humilde operário
Soube naquele momento!
Naquela
lateral improvisada.
Que ele mesmo
ocupara
Um
estilo novo de futebol nascia

Este é o Avaí que deve subir à série A. E deve porque merece. Deve porque seu esforço será recompensado.

É o Leão, rugindo como um trovão
um pulo, e era uma vez os adversários.

Vou pra Ressacada reverenciar este time com meus amigos, pois, como diz o Poetinha, eu não ando só,  eu só ando em boa companhia.

Não há nada no mundo igual a ti, Avaí.

Anúncios

2 comentários sobre “Vivendo um grande amor

  1. Alexandre, sobre o Ricardinho, lembro muito do que falavam do Luís Ricardo… Nas cadeiras próximas onde fico, havia uma turma que malhava o rapaz em todos os jogos de 2009. Contra o Atlético PR, por exemplo, ele fez um cruzamento primoroso para o William fazer gol de bicicleta… Diziam que Luís Ricardo era o pior do mundo… E o São Paulo acaba de pagar uma boa grana para a Lusa pelo rapaz…

    Curtir

  2. Exatamente, meu caro, exatamente. Poderia dar uma lista de jogadores que sairam daqui vaiados e lá fora desempenharam seu papel com competência. É que as pessoas confundem paixão com falta de respeito ao profissional.

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s