Estou junto

Me perguntaram se eu acreditava que o Avaí pudesse ir às semi-finais do Delfinzão. E eu respondi que no dia em que eu deixasse de acreditar que o Leão chegasse em algum lugar eu abandonaria o futebol.

E é assim mesmo que eu penso. Sou um torcedor que acompanha futebol, que torce, sofre, se diverte, ri e chora pelo Avaí. É meu ÚNICO time de coração. Nada me fará deixar de acreditar que ainda pode, enquanto houver chances. Os momentos de realismo e de fazer balanço eu deixo para quando os campeonatos acabarem, mas enquanto estiver na competição e puder chegar a algum lugar, eu estou lá, apoiando e dando forças.

É muito fácil para alguns torcedores, de qualquer time de futebol, largar o barco quando o troço está indo a pique. Assumem aquela notável zona de conforto, de seguir a manada para não parecer diferente do grupo. Eu não sou diferente nem sou igual, eu sou um torcedor, apenas. E ser torcedor é exatamente isso, estar próximo na podre, na ruim, na fase negra, naquela em que ninguém mais dá crédito.

Ser torcedor nas vitórias é fácil. Ir ao estádio quando o time ganhou seguidas partidas e está na iminência de ganhar um campeonato é o óbvio. O sujeito estufa o peito e se diz torcedor de carteirinha. Quero ver ir a jogos contra times ruins, quando no estádio há uns 100 ou 200 torcedores e o teu time ainda perde. E tu ainda voltas na próxima.

Antes que algum esperto se antecipe, não vou fazer comparações, de quem é mais torcedor aqui ou ali. Eu sigo é a minha consciência.

A fase do Avaí é complicada, mas não é terrível. É dura, mas nada que não se possa virar o jogo. Agora, jogar a toalha antes, pra “não tapar o sol com a peneira” é para os fracos. Não é o meu caso.

Tenho lido e ouvido que muita gente está desistindo porque estão decepcionados. Pode ficar em casa. Depois eu te conto como foi a partida na qual o Avaí venceu, porque eu vou estar lá.

Anúncios

Um comentário sobre “Estou junto

  1. Bom dia!
    Sei que o Avaí não tem o melhor time do mundo, que a grana não ta sobrando, que tem boca grande lá dentro, que a torcida cobra como se fosse o Barcelona, que o estádio anda as moscas e que houve indisciplina devidamente cobrada pela Diretoria. Mas hoje fui dar uma navegada nos blogs e achei as palavras como papo de missa de sétimo dia.
    O estadual está na metade;
    O Avaí vai chegar entre os 4;
    Tem chance de ir para a final e conquistar até a vaga para a copa do Brasil de 2013;
    Com contratações pontuais (“O 10”), nós poderemos já ter um bom time;
    Acredito que pode subir para a série A esse ano também;

    Que existem problemas, isso não há dúvidas, mas nem no Vaticano ou na igreja universal os problemas deixam de existir.
    Seria um sentimento por conta do vídeo da “arena coloninha” que deixou nossa torcida infeliz?
    O papel aceita tudo, inclusive o nosso time também fala em mega construção da arena azul.
    “Apara néééoooo”.
    Viemos de um excelente resultado contra o tigre e vamos vencer em Ibirama. O Ovelha tá virando Leão, porra!

    Relaxem os corpinhos e vamos torcer mais e reclamar menos, isso é para a maioria.
    Sou sócio desde 97 e já houve tempo que paguei outubro, novembro, dezembro e janeiro sem ver um jogo pq o Avaí não tinha campeonato p disputar, então hoje é moleza.
    O AVAÍ somos nós

    Abraço

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s